Serviço de Monitoramento Animal e Ambiental (Sema)

 

Em dezembro de 2012, através da portaria nº 11.503, a UFRJ criou o GT-Animais com a proposta de administrar os encaminhamentos e propor procedimentos para a solução da questão dos animais abandonados nos campi da UFRJ. O GT-Animais fez um levantamento de projetos, programas e campanhas realizados por outras universidades espalhadas pelo país e promoveu diversos encontros para discutir a situação dos animais presentes nos campi da UFRJ. Com base nos dados apurados, o GT-Animais propôs a criação do Serviço de Monitoramento Animal e Ambiental - SEMA, vinculado à Prefeitura da UFRJ.

O SEMA foi criado pela portaria nº 8408, de 12 de novembro de 2015, para atuar na elaboração de propostas e administração de procedimentos que envolvem os animais comunitários, o abandono de animais nos campi universitários, na conscientização da guarda responsável de animais de companhia, bem como, na proteção e preservação da fauna natural dos campi da UFRJ.

Caso você testemunhe o abandono de animais no campus denuncie ou entre em contato com Coodenação de Segurança ou com os vigilitantes localizados nas unidades. Se for possível, anote a placa, modelo e cor do veículo e horário do abandono para que possamos localizar os responsáveis nas imagens gravadas pelas câmeras de segurança.

Coordenação de Segurança 

Tel.: 3105-4456 ou (9090) 3938-1900

 

Portaria nº 8408 de 12 de novembro de 2015

Relatório final do GT-Animais

Instrução Normativa nº 3683 - página 26 do Boletim da UFRJ nº 19, de 12 de maio de 2016

 

SEMA

Contato:

 E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

 

Clique aqui para enviar denúncias e sugestões que envolvam os animais comunitários, o abandono de animais nos campi universitários e preservação da fauna natural dos campi da UFRJ, preenchendo no campo assunto: SEMA

 

EM CASO DE MORDEDURA DE CÃES OU GATOS SEGUIR O SEGUINTE PROTOCOLO:

 

CAMPUS CIDADE UNIVERSITÁRIA

O primeiro atendimento deverá ser feito na Clínica da Família Ministro Dr. Adib Jatene, o paciente será avaliado e receberá o número do registro no Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN). De lá, deverá se dirigir à Clínica da Família Felippe Cardoso, onde receberá a primeira dose da vacina antirrábica e as demais orientações sobre o tratamento e como proceder.

 

Clínica da Família Ministro Dr. Adib Jatene

Funcionamento: Segunda a sexta das 07h às 18h, sábado das 08h às 12h

Endereço: Avenida Bento Ribeiro Dantas, s/nº –  Vila Pinheiro, no Complexo da Maré

Tel.: (21) 3885-6541

Clínica da Família Felippe Cardoso

Funcionamento: Segunda a sexta das 07h às 19h, sábado das 08h às 12h

Endereço: Avenida Nossa Senhora da Penha, nº 42 – Penha

Tel.: (21) 3977-7661

 

CAMPUS PRAIA VERMELHA

O atendimento será realizado no Hospital Rocha Maia.

 

Hospital Rocha Maia

Atendimento 24 horas

Endereço: Rua General Severiano, nº 91 – Botafogo

Tel.: (21) 2295-2295

 

 

Praça Jorge Machado Moreira, 100, Cidade Universitária, Rio de Janeiro, RJ - CEP 21941-592 | Caixa postal 68.010, Tel.: +55 21 3938-9324 Fax: +55 21 3938-4940

UFRJ Prefeitura Universitária
Desenvolvido por: TIC/UFRJ