PROFª DO IESC GANHOU PRÊMIO FAZ DIFERENÇA

Assessoria de Comunicação do Centro de Ciências da Saúde - 05/04/17

 

A médica Kátia Bloch, professora associada de Epidemiologia e Diretora Adjunta de Pós-Graduação e Pesquisa do Instituto de estudos em Saúde Coletiva (IESC) da UFRJ, unidade acadêmica vinculada ao Centro de Ciências da Saúde (CCS), foi premiada na categoria Ciência e Saúde na 14ª edição do Prêmio Faz Diferença, em 30/3. O prêmio é uma iniciativa de O Globo, junto com a FIRJAN - Federação das Indústrias do Estado do Rio, que distinguiu o trabalho e o talento de pessoas, instituições e empresas brasileiras que se sobressaíram nas suas áreas de atuação no ano passado.

Ela coordenou Estudo de Riscos Cardiovasculares em Adolescentes (Erica), primeira e maior pesquisa já realizada no país sobre a saúde de jovens de 12 a 17 anos. O trabalho, que coletou dados de milhares de estudantes, identificou altas taxas de sobrepeso, colesterol e hipertensão entre adolescentes, evidenciando ainda que os jovens comem mal, com dieta baseada em alimentos processados, e fazem pouco exercício.

- A obesidade é um dos principais fatores de risco para as doenças cardiovasculares. E poderia fazer com que essa geração de jovens tivesse uma expectativa de vida menor que a de seus pais. Então só tenho a agradecer a todos que participaram dessa empreitada. Pesquisa e educação são fundamentais para continuar buscando caminhos para melhorar a saúde do país - disse ela ao receber o prêmio das mãos da colunista Lydia Medeiros, do editor de Radar do site do GLOBO, William Helal, e do chefe da Sucursal de São Paulo, Aguinaldo Novo.

Kátia Vergetti Bloch foi graduada em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, em 1983 e, na mesma universidade, concluiu mestrado em Clínica Médica, em 1990. Fez doutorado na Universidade Federal da Bahia/London School of Hygiene and Tropical Medicine, em 1997. Tem experiência na área de Saúde Coletiva, com ênfase em Epidemiologia, atuando principalmente nos temas: hipertensão arterial, epidemiologia de doenças crônicas e sistemas de informação em saúde. Atualmente é coordenadora executiva nacional do Estudo de Riscos Cardiovasculares em Adolescentes - ERICA, estudo multicêntrico nacional que avaliou o perfil de risco cardiovascular de cerca de 75 mil estudantes de 12 a 17 anos.

Praça Jorge Machado Moreira, 100, Cidade Universitária, Rio de Janeiro, RJ - CEP 21941-592 | Caixa postal 68.010, Tel.: +55 21 3938-9324 Fax: +55 21 3938-4940

UFRJ Prefeitura Universitária
Desenvolvido por: TIC/UFRJ