Diretor da CET-Rio esclarece dúvidas sobre trânsito no Rio

15.07.2016

Sidney Coutinho

DINIS CET RIO - textoA criação das faixas olímpicas pela cidade do Rio de Janeiro busca dar às equipes olímpicas confiabilidade no tempo de deslocamento entre os locais em que elas estejam hospedadas e os lugares onde são realizados os treinos e competições, esclareceu o diretor de operações da CET-Rio, Joaquim Dinis, durante a apresentação realizada na quinta-feira (14/8), no auditório do Parque Tecnológico, para sanar dúvidas sobre como será o trânsito no município, em especial na Cidade Universitária, a partir desta segunda-feira, dia 18 de julho.

De acordo com Dinis, quem circula na Ilha do Fundão para estudar ou trabalhar tem pouco com o que se preocupar, pois as medidas adotadas procuraram gerar o menor impacto possível para o cotidiano da comunidade. "A Ponte do Saber, por exemplo, permaneceria fechada o tempo todo, mas estabelecemos um horário nos dias úteis para apenas afastar quem usa o Fundão como alternativa à Linha Vermelha. Também liberamos a passagem dos ônibus das linhas regulares, para evitar que eles deixassem de pegar as pessoas que aqui trabalham", informou ele.

O diretor de operações da CET-Rio explicou ainda como funcionará o Sistema de fiscalização de trânsito no Acesso 3, de quem chega pelas linhas Vermelha ou Amarela ao campus. "Equipamentos irão fazer a leitura das placas de alguns carros para estabelecer o tempo médio do fluxo de veículos dentro do campus desde a entrada até a saída. Em alguns momentos pode ser 10 minutos em outros até meia hora, mas daremos ainda uma margem de 50 por cento ao que estiver sendo cronometrado. Aqueles que passarem em prazo inferior ou igual ao estimado para o período será multado, pois fica claro que usou um atalho para fugir das outras vias".

Para Dinis, os Jogos Olímpicos representam um evento histórico para o Rio de Janeiro diferente de todos os demais que já ocorreram. "É como se ocorresse ao mesmo tempo o réveillon de Copacabana, o desfile na Sapucaí no Carnaval, a Jornada da Juventude, um clássico no Maracanã. Sabemos que há sacrifícios para toda a população, mas procuramos realizar em todos os finais de semana os eventos ao ar-livre e quando isso não ocorrer serão decretados feriados", lembrou ele, informando que o prefeito Eduardo Paes já definiu os dias 5, 18 e 22 de agosto como feriados municipais.

Praça Jorge Machado Moreira, 100, Cidade Universitária, Rio de Janeiro, RJ - CEP 21941-592 | Caixa postal 68.010, Tel.: +55 21 3938-9324 Fax: +55 21 3938-4940

UFRJ Prefeitura Universitária
Desenvolvido por: TIC/UFRJ