Pesquisar

Horto Universitário

 

Horto UniversitárioO Horto da Prefeitura da UFRJ caracteriza-se por desenvolver educação, pesquisa e extensão com a execução de projetos que visem à melhoria da qualidade de vida da comunidade universitária e do entorno. Promove a produção dos insumos necessários para a manutenção das áreas verdes da UFRJ, procurando uma atividade sustentável no aspecto ambiental e econômico.

Dentre outras atividades, o Horto da Prefeitura da UFRJ desenvolve: compostagem para produzir terra vegetal; plantas ornamentais, medicinais e aromáticas; pomar de frutas; arborização da Cidade Universitária e dos campi da UFRJ (Pólos de Xerém e Macaé); recuperação da Mata Atlântica na Península do Catalão e manutenção desta área como corredor verde; apoio à revitalização do mangue e ações que visem preservar ecossistemas ameaçados da Ilha do Fundão como restingas e lagos; cultivo de mudas arbóreas; apoio a todas as demandas do Plano Diretor 2020 da UFRJ; aulas práticas e pesquisas de diversas disciplinas; apoio aos grupos de agroecologia da UFRJ e o empréstimo de vasos ornamentais em eventos da universidade.

 

Horta Comunitária

 

Península do Catalão

Ilha do CatalãoCom uma área de 17 hectares e situado na extremidade norte do conjunto de ilhas que se tornou a Cidade Universitária, o Parque da Mata Atlântica da UFRJ fica na antiga Ilha do Catalão. Já previsto no plano inicial da construção do campus foi preservado mantendo o relevo e vegetação natural. Era nele que existia um dos três hortos conduzidos com o objetivo de arborização das demais áreas da Cidade Universitária e em seu bosque foram introduzidas diversas novas espécies.

A entrada do parque é próxima ao antigo hangar de hidroaviões, onde ficava a Ilha das Cabras. Esta reserva biológica de Mata Atlântica, que é mais conhecida como Catalão, constitui corredor ecológico estratégico interligando fragmentos de vegetação em torno da Baía de Guanabara em área densamente povoada. Já foram registradas 180 espécies de aves no parque, refletindo a biodiversidade. Além da Mata Atlântica, a área preserva ecossistemas como manguezais e uma lagoa, que é reabastecida na maré alta.

Em setembro de 1996, foi liberada uma verba pelo governo Federal para a realização de obras de melhoria da infraestrutura da Cidade Universitária, prevendo-se uma possível realização das Olimpíadas no Rio de Janeiro em 2004. Parte dos recursos serviu para implantar o parque no Catalão. Os serviços na época foram coordenados pelo Prefeito da UFRJ, professor engenheiro Benjamin Ernani Diaz.

Diversas disciplinas da UFRJ e outras universidades utilizam o parque para ensino, pesquisa e extensão. Algumas empresas realizaram plantio de espécies arbóreas como medida compensatória por multas ambientais. Atualmente, a Coordenação de Operações Urbanas e do Ambiente faz a manutenção, realizando plantios e removendo espécies invasoras, como o capim colonião. O trabalho permite que em áreas sombreadas se observe a formação de um sub-bosque demonstrando o crescimento da floresta.

Visitas guiadas são realizadas nas trilhas do Parque da Mata Atlântica da UFRJ, quando são explicados detalhes sobre o Catalão, conforme o público visitante. O local tem potencial de atender toda a grade de cursos da UFRJ e da comunidade do entorno, que podem conhecer e ter várias sensações por meio das cores, aromas e extratos dos vegetais, além dos sons emitidos pela fauna.

 

Coordenação do Meio Ambiente

Contato

email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Tel.: (21) 3938-9323

 

 

praia na ilha do Catalão


Acesso à Informação Ouvidoria UFRJ PlanoDiretor UFRJ  Correio Eletronico NOVO

Praça Jorge Machado Moreira, 100, Cidade Universitária, Rio de Janeiro, RJ - CEP 21941-592 | Caixa postal 68.010, Tel.: +55 21 3938-9324 Fax: +55 21 3938-4940

UFRJ Prefeitura Universitária
Desenvolvido por: TIC/UFRJ